Histórico

A WIFT Brasil funciona em São Paulo e no Rio de Janeiro desde 2013. A seguir, conheça algumas das atividades desenvolvidas pela organização.

 

2017


  1º Encontro WIFT Brasil – Rio de Janeiro

IMG_2894

1º Encontro WIFT Brasil – RJ

Nosso encontro, realizado no dia 3 Maio 2017, reuniu mulheres de cinema, televisão, games e produção.
Acreditamos que juntas somos mais fortes e que é fundamental ampliarmos nossa rede para desenvolvermos novos projetos e lutarmos pelo reconhecimento das mulheres no audiovisual.

 

 

2016


A WIFT Brasil acompanha o desfile da escola de samba Águia de Ouro, que em 2016 homenageia a mulher, e publica reportagem em sua página no Facebook.


A WIFT Brasil é um dos parceiros do Instituto Geena Davis no 3º Simpósio Global sobre Gênero na Mídia, realizado no Brasil pela primeira vez. O evento gratuito ocorreu em São Paulo, no dia 8 de março, com programação paralela no Rio de Janeiro, em 7 de março.

WB GDI Simpósio

Painel com participação de Thais Scabio e Maristela Bizarro

2015


Indicação do curta Arabesque, de Ana Claudia Predolim, para participação no WIFTI Short Film Showcase, festival dedicado a integrantes das WIFT pelo mundo. O filme foi um dos 30 finalistas entre 869 inscritos por 58 países.


Na comemoração do Dia Internacional da Mulher o projeto “Elas na tela” exibe cinco curtas metragens dirigidos por mulheres no CEU – Caminho do Mar, em São Paulo. O evento, intitulado “Olhares femininos em São Paulo”, também promove debate com Ana Cláudia Martins e Helena Trevisan, integrantes da WIFT Brasil.


Maristela Bizarro representa a WIFT Brasil no evento “Before Pictures”, um encontro com o historiador de arte e curador norte-americano Douglas Crimp, realizado no JAMAC (Jardim Miriam Arte Clube), em São Paulo, com transmissão online para Brasil e Estados Unidos.

Before Pictures


Reportagem do site Think Olga entrevista Maristela Bizarro, da WIFT Brasil, para a reportagem “Luz, câmera, invisibilização: o desafio de ser mulher no mundo do cinema”, publicada em 10/09/2015


Maristela Bizarro representa a WIFT Brasil na Oficina de Cinema e Gênero, promovida pelo Laboratório Antígona de Filosofia e Gênero da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

2014


Sessão do filme 1/2 kg é realizada no CEU – Caminho do Mar, em São Paulo, e seguida de debate com a diretora Andrea Mendonça, o produtor Rodolfo e a personagem D. Elia.

10683652_879172642106695_6752796579267510006_o


Exibição do filme Imagem Mulher no CEU – Caminho do Mar, em São Paulo, seguida de debate com a diretora Maristela Sanches Bizarro, as personagens Ana Cláudia Martins, Norma Cubillos e Sandra Regina e a produtora Thais Scabio.


Realização da mostra “A tela e as negras” no CEU – Caminho do Mar, em São Paulo: exibição dos curtas Aquém das nuvensCaixa d’água e Entre Perdizes e o sítio Joaninha, além de um debate com as diretoras Bruna Vitorino e Thais Scabio, e com Luana Levy, do Coletivo Dia de Nega.

1522882_883909608299665_3030273922652195339_o


Exibição do filme À Queima Roupa no CEU – Caminho do Mar, em São Paulo, seguida de debate com a diretora Theresa Joussouroun e os jornalistas Vanessa Rodrigues e Bruno Torturra.

2013


Fonte: Jornal "O Globo" - 28.03.13

“O Globo” – 28.03.13

 

Projeto da WIFT Brasil oferece
mentoria com Taís Araújo para uma
jovem atriz de comunidade carente
do Rio de Janeiro.

 

 

 


Projeção especial do documentário Ervas & Saberes da Floresta, de Zienhe Castro, no Centro Cultural Banco do Brasil, no Rio de Janeiro.

Na esquerda, com o microfone, a diretora do documentário "Ervas e Saberes da Floresta", Zienhe Castro; à direita, na ponta, uma das co-fundadoras da WIFT Brasil, Valeria Sorrentino

Na esquerda, com o microfone, a diretora do documentário “Ervas e Saberes da Floresta”, Zienhe Castro; à direita, na ponta, uma das co-fundadoras da WIFT Brasil, Valeria Sorrentino


Sessão do filme Hoje, com a presença da diretora Tata Amaral, no Espaço Itaú de Cinema – Frei Caneca, em São Paulo.


Exibição do documentário Elena no Museu da Imagem e do Som (MIS), em São Paulo, com a participação da psicóloga Ana Rita dos Santos Ferreira e da diretora de arte e preparadora de elenco do filme, Martha Kiss Perrone.


Exibição do filme Repare Bem, seguida de debate com a diretora e atriz portuguesa Maria de Medeiros, no Cinusp (Universidade de São Paulo).


Exibição de Repare Bem no Memorial da América Latina, em São Paulo, seguida de debate sobre as mulheres e as ditaduras da América do Sul, com participação de Denise Crispim, personagem principal do filme.